As Princesas de Marianna Araújo

O post de hoje é sobre um livro que terminei de ler a poucos minutos, numa tarde fria de um sábado de quarentena. Segue uma resenha, fresquinha e ainda quente:

As Princesas de Marianna Araújo

”Apesar de certa dificuldade inicial de me envolver com o livro (talvez por ele ter uma escrita voltada pra leitores mais jovens) encontrei ali uma trama que me deixou curiosa e com vontade de ler mais

Os capítulos passam bem rápido, até por serem curtos. Não acho isso um problema uma vez que eles são objetivos e tem uma narrativa divertida. Os personagens são carismáticos e conforme o seu amadurecer e o avançar da história, o romance ganha mais destaque e garante uma doçura ao livro que, além de interessante, é bem jovial.

Embora o início proporcione a criação de teorias mirabolantes nem todas se realizam. Neste livro, tal como nos antigos contos de fadas, as coisas se resolvem de maneira mais simples e despretensiosa. Isso não significa de forma alguma que não hajam capítulos dotados de uma profundidade emocional muito bonita, digna dos personagens criados.

Beatriz (uma das princesas) é interessante justamente porque nos ?contos de fadas? as princesas sempre são idealizadas. Perfeitas. Eu não consigo acreditar que fossem assim na vida real. Todo o mimo e o luxo são ingredientes excelentes para criar uma pessoa instável emocionalmente, alguém muito mau acostumado a ter tudo o que quer. A Beatriz é assim, o que a torna, na minha opinião, bem mais humana, real e cativante que as princesas de outros livros.

Já Sara (a outra princesa) tem uma imagem mais impecável, trejeitos mais delicados e polidos que harmonizam bem com a impulsividade e coragem da irmã. A combinação rende bons momentos para as princesas e para o leitor.

No livro não temos só o romance como também o mistério. A forma como o leitor recebe, junto com personagens, as pistas para soluciona-lo é lenta e gradual. Fora o mistério, há também vislumbres de magia na história.

A palavra que eu usaria para definir o livro é ?leveza?. Encontrei nessas páginas uma história suave e delicada, como uma brisa fresca no verão. Ainda assim, houve bastante desenvolvimento para todos os personagens.

Conforme o livro se aproxima dos seus capítulos finais, é possível sentir o gosto do clássico ?felizes para sempre? e os últimos momentos são, de fato, só um arremate de modo a satisfazer a curiosidade do leitor.

Esse livro tem um ar mais clássico e um quê de conto de fadas que é bem gostoso e sútil. É uma leitura mais descomplicada e, ainda assim, acolhedora. No fim, percebi ter gostado bastante da leitura, mais do que imaginei que gostaria inclusive!

Embora a temática do livro remeta a um certo público alvo, este é um daqueles títulos que pode agradar diversas gerações e que tem tudo pra envelhecer muito bem.

Narrativas como essa provam que existem diversas formas de despertar o interesse do jovem pela literatura mas, acima disso, As Princesas de Caliestel são prova de que nunca se é velho ou carrancudo demais pra uma boa história de princesas, cavaleiros e mistérios. As vezes achamos que toda leitura, depois da vida adulta, tem que ser difícil, catártica e impactante.

A verdade é que, de vez em quando, tudo que precisamos é de um reino bonito de faz de conta. De uma boa história pra ler antes de dormir. De arte que faça os sonhos voltarem a serem simples.”

2 comentários em “As Princesas de Marianna Araújo

  1. Sem palavras para agradecer suas palavras e seu carinho com minha história, o caminho do escitor novato é muito difícil,mas quando a gente encontra leitores como você nosso coração fica quentinho e cheio de felicidade.
    Nos vemos na próxima ❤

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: